Mulher é considerada alta demais para ter filhos: médicos ficam chocados com o que vêem no ultrassom

Há muitos casais inspiradores por aí que se destacam da multidão. E é maravilhoso ver que não somos todos iguais.

Vejam este lindo casal, por exemplo.

Hayleigh é uma gigante. Ela vem de uma família de pessoas muito altas. Sua mãe tem1,90 m, e Hayleigh, 2 m. Hayleigh sempre foi mais alta do que seus amigos e eles nunca pensaram que ela ficaria com alguém com menos de 1,80 m de altura.

Bryan tem 1,78 cm, e começaram a namorar. Ambos nunca se importaram com a diferença de altura.

Eles se casaram em uma linda cerimônia. Mas o primeiro ano de casamento foi marcado por dificuldades e obstáculos.

#MyGiantLife

Posted by My Giant Life Fanpage on Monday, 8 January 2018

Quando Hayleigh, de 25 anos, e Bryan, de 34 anos, se conheceram há alguns anos, ficou imediatamente claro que o amor estava no ar.

“Bryan me disse depois do nosso primeiro beijo que ele iria se casar comigo, e isso parece que foi há muito tempo”, disse Hayleigh no “My Giant Life“, do canal TLC.

Eles disseram o “sim” há três anos e agora curtem a vida a dois.

Check out this People.com exclusive of #MyGiantLife star Haleigh Hampton's wedding!! >> http://ow.ly/QLWsB

Posted by Say Yes to the Dress on Tuesday, 11 August 2015

No casamento, eles decidiram servir tacos! Por que tacos? Foi o que comeram juntos no primeiro encontro.

O casamento foi um grande sucesso. Mas, logo nuvens negras apareceram sobre o relacionamento. Eles tiveram problemas financeiros e muito estresse por conta disso. Então decidiram se mudar para o Tennessee, onde o custo de vida é menor. Ao mesmo tempo, o casal começou a se recuperar lentamente. As coisas pareciam estar indo na direção certa novamente para eles.

Então tudo de repente ficou muito, muito melhor …

Hayleigh ficou grávida!

Hayleigh e Bryan não tinham planejado ter filhos, mas eles estavam obviamente felizes.

No entanto, Hayleigh já havia ouvido de vários médicos que a altura dela tornaria a gravidez bastante arriscada. Então, sequer achava que poderia ter filhos e ficou obviamente chocada quando soube que seria mãe.

Mas não foi apenas Hayleigh quem ficou surpreso. Até o médico dela ficou espantado quando viu o ultrassom.

Quando Hayleigh estava com quase oito meses, o feto cresceu tanto que era quase duas vezes maior que um bebê de “tamanho normal”.

Como resultado, seu médico solicitou ultrassonografias extras. A futura mãe estava preocupada que houvesse algo terrível na tela. E, infelizmente, seu medo se tornou realidade quando o médico percebeu que ela tinha uma condição chamada placenta praevia.

O que é placenta praevia? É quando a placenta está localizada na parte inferior do útero de uma mulher bloqueando o colo. A condição pode levar a hemorragias durante o trabalho de parto ou até mesmo antes.

Para Hayleigh foi um pesadelo.

Mas seu pânico não se confirmou. O parto correu bem e no Dia dos Namorados, ela e Bryan deram as boas-vindas à pequeno Kaia!

“Nós estamos tão apaixonados por essa garota e toda a sua delicadeza. Ela é o bebê dos sonhos. Ela é doce e só quer dormir e abraçar qualquer pessoa que a pega no colo”, diz Hayleigh.

A menina nasceu com 3,8 kg e 53 cm. O peso médio para as meninas é de 3,5 kg.

Teremos que esperar e ver se a pequena Kaia vai ser tão alta quanto a mãe. De qualquer forma, ela já é abençoada por ter pais maravilhosos como Hayleigh e Bryan. Desejamos a todos os três muita sorte no futuro. Curta e compartilhe se você concordar!