Incrível achado sob vinícola italiana

Incrível achado sob vinícola italiana

Dois anos atrás, arqueólogos cavando em uma vinícola ao norte da Itália fizeram uma enorme descoberta.

Aqueles cavando no local descobriram um chão de mosaico quase perfeitamente preservado datado do século III AC, provavelmente a fundação de alguma vila romana antiga.

A NEGRAR UN TESORO ARCHEOLOGICO SOTTO LE VIGNEDopo innumerevoli decenni di tentativi falliti, finalmente è stata…

Posted by Comune di Negrar di Valpolicella on Monday, May 25, 2020

Traços da antiga propriedade romana foram encontrados em Negrar di Valpolicella, próximo a Verona, já em 1922. Porém, isso foi quase um século antes dos cientistas retornarem à área.

“Arqueólogos estão procurando por este mosaico desde pelo menos 1922”, disse Alberto Manicardi, chefe de operações da escavação próxima à cidade de Negrar.

“Nós sabíamos que estava lá, mas não fomos capazes de localizar ela exatamente.”

De acordo com Camilla Madinelli do jornal local L’Arena, umaequipe do Superintendente de Arqueologia, Belas Artes e Paisagens de Verona havia começado a cava na área antes da pandemia de COVID-19 chegar.

Fonte: Comune di Negrar di Valpolicella

De acordo com o The Guardian, a equipe fez a maior descoberta até o momento apenas uma semana após retornar ao local.

“Após várias décadas de tentativas falhas, parte do piso e fundações da vila romana foram localizadas ao norte de Verona, descobertas por estudiosos um século atrás, finalmente foram trazidas à luz”, as autoridades locais divulgaram em um pronunciamento público.

Fonte: Comune di Negrar di Valpolicella

O pronunciamento também explicou que a equipe havia encontrado os azulejos a apenas alguns metros abaixo da superfície da vinícola. Esses mosaicos costumavam ser usados para a decoração do piso e paredes no antigo mundo romano.

“Nós acreditamos que um sítio cultural deste valor merece atenção e deveria ser melhorado”, o prefeito de Negrar di Valpolicella, Roberto Grison, contou ao L’Arena, conforme traduzido pelo Guardian. “Por este motivo, juntos com o superintendente e aqueles encarregados do financiamento agrícola, nós encontraremos uma maneira de tornar este tesouro proveitoso.”

“O mosaico tem uma série de formas distorcida conhecidas como “Nós de Salomão”, de acordo com o Atlas Obscura. Com sorte, os octógonos e romboides poderão ajudar os experts a descobrirem a identidade da vila.

Fonte: Comune di Negrar di Valpolicella

Este achado cultural foi significante na época quando a Itália estava sendo afetada pelas ondas da pandemia.

Foi uma bela lembrança da história e arte italianas, e certamente valeram todo o esforço de escavá-los de maneira segura e cuidadosa!

Você concorda? Deixe-nos saber!