Chefe o mandou voltar imediatamente para casa — quando chegou, foi um momento de enorme emoção

A chegada de um bebê é sempre um momento excitante e ansioso, especialmente para pais de primeira viagem, pois eles não sabem o que esperar.

Quando Jake e Chelsea Osborne descobriram que estavam esperando o primeiro filho, eles ficaram muito animados. Mas, como esposa de militar, Chelsea Osborne sabia que o marido talvez não estivesse lá para compartilhar a experiência.

E não foi exceção. Um mês depois que o casal soube que estavam esperando o bebê, Jake foi convocado. Infelizmente, ele deveria ficar fora por meses.

Quando a data de chegada do bebê se aproximava, Jake sabia que não poderia compartilhar o evento que mudaria sua vida com a esposa. Chelsea começou a planejar um trabalho de parto sem o marido ao seu lado e se confortou sabendo que pelo menos teria a irmã de Jake e sua família como apoio.

Quando o grande dia chegou, o comandante de Jake se aproximou dele e disse-lhe para fazer as malas e se preparar para voltar para casa. Jake ficou atordoado com a ordem.

“Dentro de dois dias eles me levaram em um vôo”, disse Jake. Enquanto viajava de volta para sua família, Jake recebeu um telefonema do Chelsea que virou seu mundo de cabeça para baixo.

Ele não conseguiria chegar em casa rápido o suficiente e quando abriu a porta do quarto do hospital de sua esposa, não teve como segurar as lágrimas.

Chelsea colocou Paisley, o bebê, nos braços de Jake e todo o quarto estava em lágrimas. Ver essa família reunida em um dia tão importante depois de meses separados foi um momento bonito.

Veja a hora em que Jake põe os olhos em sua filhinha pela primeira vez e sua esposa se reencontra com seu marido depois de meses separados no vídeo abaixo.

Que momento maravilhoso e que nos faz perceber o quanto devemos amar a família que temos por perto. Nem todas as famílias têm esse luxo.

Por favor, compartilhe esta história reconfortante com seus amigos e familiares.