Tweet about this on Twitter Pin on Pinterest Share on Facebook

Pai alcoólatra entrega a filha para adoção: 24 anos depois, reencontra a filha de maneira impensável

Will Russell não era mais nenhuma criança quando foi pai de uma menina.

Naquele momento, sua vida era uma bagunça. De acordo com o próprio Will, era um “náufrago” que abusava das drogas.

Ele então tomou a difícil decisão de dar a sua filha para adoção pouco depois do nascimento. Foi a única chance que viu para que ela pudesse ter uma vida melhor, disse Will.

Depois de lutar contra seu vício em álcool e outros demônios, ele conseguiu um emprego em uma igreja local.

Começou a trabalhar como pastor e também se ofereceu como voluntário na Phoenix Rescue Mission, organização que ajuda pessoas necessitadas.

Aos poucos, ele foi trilhando seu caminho para um papel mais vital dentro da organização — mas ele não podia imaginar no isso daria…

Muitos anos se passaram e a maior parte do passado de Will ficou enterrado.

Mas é claro que nunca esqueceu da garotinha que havia dado. Ele não tinha idéia de que sua menina, agora com 24 anos de idade, também estava pensando nele.

Amy Roberson sempre se perguntou sobre sua família biológica. Como muitas outras crianças adotadas, sentiu que não tinha raízes. Finalmente, decidiu tentar procurar por elas.

Graças às mídias sociais, ela conseguiu rastrear com sucesso um de seus irmãos. E então encontrou o número de Will.

Ela estava realmente nervosa antes de telefonar. Amy não tinha idéia de como seu pai reagiria. Talvez ele não quisesse conhecê-la. Ele sabia mesmo que ela existia?

Finalmente, ela se esforçou e ligou para Will.

“Demorei muito para fazer essa chamada”, explica Amy e continua: “Eu estava tão nervosa, mas definitivamente era algo que eu precisava fazer”.

No entanto, que ela não precisava estar nervosa. Quando Will pegou o telefone, ele ficou surpreso, mas se alegrou de que Amy o tivesse encontrado.

“Eu esperava e rezava para que ela entrasse na minha vida. Esse telefonema era como Deus respondendo às minhas orações”, diz ele.

Will e Amy decidiram se encontrar o mais rápido possível. Eles saíram para tomar um café da manhã e imediatamente perceberam algo que fez os dois rir em voz alta.

Will e Amy eram colegas de trabalho.

Foi preciso que se recuperassem do choque: tinham trabalhado lado a lado por vários meses. Nenhum deles tinha a menor ideia sobre quem era o outro!

Agora os dois estão tentando compensar o tempo perdido. Eles são incrivelmente agradecidos pelo presente incrível que receberam – de finalmente poder se reunir.

Claro que levará tempo para construir um relacionamento, mas como ambos parecem ter seus corações no lugar certo, tenho certeza de que criarão um forte vínculo no futuro.

Você também está feliz em ouvir a história de reunião incrível de Will e Amy? Partilhe esta boa história hoje no Facebook!

Publicado pela Newsner. Por favor, curta.