Carta de suicídio manuscrita de Elvis é descoberta após 40 anos — o conteúdo é de partir o coração

A morte de Elvis Presley tem confundido os fãs ao redor do mundo nos últimos 40 anos.

Ainda hoje, somos levados a deduzir o motivo exato por trás da morte prematura do rei. O cantor de Jailhouse Rock tinha apenas 42 anos de idade e deixou um legado musical que praticamente ninguém conseguiu igualar.

Agora, um novo documentário intitulado Elvis Presley: The Searcher vai ao ar na HBO no final deste mês. Nela, a ex-mulher de Elvis, Priscilla Presley, afirma que o ícone do rock queria tirar a própria vida engolindo grandes quantidades de analgésicos. Além disso, de acordo com o Daily Mirror, existem notas manuscritas do próprio Elvis que parecem confirmar isso.

Foi em 16 de agosto de 1977 que a morte de Elvis Presleyo abalou o mundo. Com músicas como Can’t Help Falling In Love, Jailhouse Rock, Hound Dog e Burning Love, não é de admirar que o Rei seja um herói para as massas. Tendo vendido milhões de discos, ele é uma das figuras mais famosas de todo o século XX.

Também é de admirar que ele tenha encontrado o caminho para o coração das pessoas.

Elvis morreu de um ataque cardíaco

A causa oficial da morte de Elvis Presley foi um ataque cardíaco, que muitos acreditam ter sido relacionado ao abuso de drogas. Ele foi encontrado no banheiro de sua casa pela então namorada, Ginger Alden.

Mesmo assim, a partida do Rei tem sido um tópico muito debatido ao longo dos anos. O fato de que sua família desejava manter os relatórios da autópsia em sigilo fez muito pouco para sufocar as teorias da conspiração relativas a se ele estava ou não morto em primeiro lugar.

No entanto, em um novo documentário da HBO, programado para o ar em 14 de abril, algumas pessoas próximas a ele afirmam que sua morte foi intencional … e talvez projetada por sua própria mão.

O Clamor de Priscilla

No documentário, a ex-mulher de Elvis, Priscilla, sugere que ele pode ter conspirado para acabar com a própria vida.

Sobre a batalhas com as drogas, ela disse: “Ele sabia o que estava fazendo e as pessoas perguntam ‘por que ninguém fez nada?’ Bem, isso não é verdade”.

“Os mais próximos fizeram – mas você não diz a Elvis o que fazer. Você teria saído de lá mais rápido do que um gato. Eles tentariam e – não houve jeito”

O relacionamento

De todas as pessoas, talvez Priscilla esteja no melhor lugar para falar sobre a vida e a passagem de Elvis. Afinal, ela morou com o Rei entre 1967 e 1973, e o casal teve uma filha juntos, Lisa Marie. Os dois continuaram amigos depois que o casamento terminou.

De acordo com Priscilla, foi o serviço militar de Elvis na Alemanha Ocidental que iniciou sua longa e malfadada conexão com as drogas.

“Eles os entregaram aos soldados para mantê-los entretidos”, diz Priscilla.

Priscilla Presley to appear at #sxsw2018 to talk about the new Elvis documentary, #ElvisPresley: The Searcher, which premieres on April 14 on HBO

Posted by Elvis Presley News on Friday, 12 January 2018

A Carta manuscrita de Elvis

O documentário da HBO também conta que duas cartas de suicídio manuscritas foram recentemente descobertas – e escritas pelo próprio Elvis. Aqueles que estavam mais próximos dele afirmam que as cartas são a prova de que ele conspirou para acabar com tudo sozinho.

“Para mim, é uma indicação clara de que o suicídio estava em sua mente”, disse seu meio-irmão, Rick Stanley.

No documentário, é mostrado o que estava nas anotações, escritas para o amigo íntimo de Elvis e ex-gerente de estradas, Joe Esposito.

Aparentemente, eles incluíram coisas como: “Estou doente e cansado da minha vida” e “Eu preciso de um longo descanso”.

O novo documentário

Você pode assistir ao trailer da nova série de documentários sobre a vida de Elvis abaixo – a série começa na HBO em 14 de abril.

Que melhor maneira de terminar do que ouvindo um clássico de Elvis de todos os tempos? Compartilhe esta história e veja qual música de Elvis seus amigos mais gostam!