Cliente abusa de garçonete de 21 anos – e o idiota tem exatamente o castigo que merece

Ninguém deveria passar por um caso de assédio sexual – nunca!

Infelizmente, ainda há muitos idiotas, principalmente homens, que se recusam a respeitar o sexo oposto e, ao contrário, o trata com desrespeito. Depois do “#metoo-movement”, essas questões vêm sendo discutidas cada vez mais – isso é só o começo.

No entanto, ainda há muitos que continuam expostos a várias formas de abuso sexual – e isso deveria parar. Embora possa ser ingênuo acreditar que vai desaparecer completamente, esse é o ideal pelo qual devemos nos esforçar.

Se você agredir sexualmente outra pessoa, você deve arcar com as conseqüências. Pode ser uma reação imediata ou lidar com a polícia. Embora o último seja obviamente preferível, admito que me sinto vingado em relação a idiotas que recebem o que merecem depois de assediar ou agredir sexualmente outra pessoa.

A celebrada vingança da mulher

Um cliente de um restaurante de 31 anos na Flórida estava saindo quando passou por uma das garçonetes, Emelia Holden, que estava no seu horário de trabalho. Em vez de apenas passar por ela, ele estende a mão esquerda e agarra o traseiro da mulher de 21 anos antes de seguir em frente, como conta o Buzzfeed News.

O homem não percebeu que erro isso seria. A garçonete respondeu com a velocidade da luz. Recusando-se a deixar passar o que ele tinha feito, ela reage de uma forma que fez a internet aplaudir.

Emelia gira, agarra o homem pela camisa e o joga ferozmente no chão – na frente de todos os outros convidados do restaurante. A mulher também o prendeu até a polícia chegar, quando o sujeito foi acusado de agressão sexual.

“Ele teve o que merecia e eu estou apenas tentando viver a minha vida”, escreveu a garçonete no Facebook após o incidente.

Uma câmera de vigilância capturou todo o incidente e contribuirá como prova contra o agressor no tribunal. Veja o vídeo abaixo:

COMPARTILHE se você acha que essa mulher fez a coisa certa! Então talvez possamos fazer com que mais pessoas entendam que esse tipo de comportamento NUNCA pode ser aceito!