Homem compra cômoda de 125 anos em venda de garagem – e descobre algo incrível

O diretor de marketing aposentado Emil Knodell sempre foi fascinado por antiguidades.

Então, quando ouviu que haveria uma venda de garagem próxima a ele, onde o proprietário havia falecido, decidiu fazer uma visita para ver se encontraria algo de valor.

Ao chegar, viu uma peça de mobiliário que imediatamente chamou sua atenção. Uma linda cômoda do século XVIII com tampo de mármore que se encaixaria perfeitamente em sua sala de jantar…

Para ele foi uma barganha, especialmente porque a comprou por apenas US$ 100.

“Ela tem um belo tampo de mármore e espero usá-la na minha sala de jantar”, disse Knodell, de 67 anos, à ABC News.

Mas quando chegou a hora de Emil e Jeff Allen, que trabalham para a Premiere Estate Sales Network, colocarem o baú em um veículo para serem levados até a casa de Knodell, ouviram um barulho estranho e estridente.

Verdadeiro tesouro

Verificou-se que a cômoda tinha um compartimento escondido, que guardada um tesouro.

“Havia anéis, diamantes, ouro e todo tipo de coisa. Foi emocionante, Nós dois ficamos em choque por um tempo”, disse Allen.

No entanto, não houve discussão sobre o assunto; os dois senhores decidiram instantaneamente devolver os objetos de valor.

Como Emil explica: “Comprei a cômoda. Eu não comprei essas coisas. Se eu os mantivesse, nunca me sentiria bem com isso. Haveria uma nuvem sobre a coisa toda. É um sentimento mais do que qualquer outra coisa”.

“Sou um antigo ex-fuzileiro naval e sempre tento fazer a coisa certa.”

A dupla devolveu as jóias ao legítimo dono do tesouro, o filho do homem que havia falecido, antigo dono da cômoda.

O filho pôde recordar claramente a cômoda na sua infância, embora não tivesse ideia sobre o compartimento secreto.

Que ótima história!

Compartilhe este artigo com seus amigos e familiares no Facebook se você acha que Emil fez a coisa certa ao devolver os objetos de valor!