Jovem viaja 800 km para um encontro — até que se dá conta de que foi vítima de um golpe assustador

Eles se encontraram em Barcelona no verão passado, onde ambos buscaram abrigo no mesmo hotel após um ataque terrorista que matou 13 pessoas. Mas em meio ao choque e horror, Sophie Stevenson e Jesse Mateman se interessaram um pelo outro.

Sophie e Jesse rapidamente se tornaram amigos, e nos dias seguintes, foram para a praia e se divertiram juntos. Mas logo a amizade deles se transformou em algo mais.

O casal fez sexo e, quando chegou a hora de ir para casa,  faíscas voavam e o amor pairava no ar. Ou então era o que Sophie achava.

No final das férias, Sophie Stevenson voltou para sua casa em Stoke-on-Trent, na Inglaterra, enquanto Jesse Mateman foi para Amsterdã onde morava.

Os dois mantiveram contato e conversavam todos os dias. Jesse disse que precisava ver Sophie de novo e adoraria vê-la na Inglaterra.

Logo, porém, o jovem de 21 anos mudou de idéia e convidou Sophie para Amsterdã.

Sophie ficou feliz. Ela pagou £ 350 (US$ 465) em passagens para encontrar seu novo amor. Tudo parecia maravilhoso – até Sophie chegar em Amsterdã.

Uma vez no aeroporto, Sophie percebeu que algo não estava certo. Ela não conseguiu encontrar Jesse, e depois de duas horas de espera, ela resignou-se ao fato de que ele não iria buscá-la.

Sophie foi para um hotel – e seis horas depois de pousar, ela finalmente recebeu uma mensagem de texto. Que iria esmagar seu coração.

Posted by Sophie Stevenson on Sunday, 23 October 2016

Acontece que Sophie foi vítima de um jogo sem coração.

Jesse enviou-lhe um texto dizendo: “Você foi pigged” (“pig” é “porco” em português) e depois a bloqueou nas redes sociais.

A brincadeira cruel é chamada de “atraia o porco” e se tornou popular entre os homens jovens. Para jogar, os caras encontram um grupo de mulheres e escolhem a que acham mais feia. Então, eles a “atraem”, para o deleite de seus amigos.

Posted by Sophie Stevenson on Sunday, 18 February 2018

Sophie ficou devastada e humilhada. Ela imediatamente comprou uma passagem para casa e, uma vez lá, decidiu avisar outras mulheres – e falar na mídia sobre o que aconteceu.

“Os meninos e seus amigos acham engraçado, mas não imaginam que isso é assustador para as meninas. Não foi apenas o choque e a confusão. Eu entrei em pânico ”, diz Sophie à ITV. “Nós não devemos representar isso como mulheres. Por isso decidi abrir a história. Fiquei tão envergonhada, mas pensei: ‘Se eu disser às pessoas o que ele fez, talvez ele perceba o quão horrível isso é, e fará outros caras pensarem duas vezes antes de brincar esses jogos com mulheres”.

Jesse Mateman afirmou vez que Sophie inventara toda a história e que não teve relações sexuais com ela. Mais tarde, no entanto, ele mudou sua história e admitiu que fizeram sexo, mas alegou que não se contataram depois do Barcelona.

“Mateman quer enfatizar que as mensagens de texto publicadas na mídia não vêm dele. Se Mateman usou a palavra “Porco” em uma mensagem de texto para Stevenson – que ele diz não lembrar – ela só poderia ter sido enviada durante a sua estadia na Espanha e só pode se relacionar com a maneira em que eles fizeram sexo ”, disse o advogado de Jesse, Yehudi. Moszkowicz, em um comunicado, de acordo com o Daily Mail.

Mateman também diz que ele é a vítima porque foi ameaçado e recebeu mensagens de ódio por causa da história de Sophie.

Mas Sophie e sua mãe afirmam que Mateman sabe que ela não inventou nada.

“No final das contas, se ele quiser viver com o que está dizendo, sabemos o que é a verdade e ele sabe a verdade”, disse a mãe da Sophie à ITV.

Assista a Sophie contar a história toda aqui:

Compartilhe se você também está do lado da Sophie e pense que nenhuma mulher merece ser tratada assim! Se há alguém que é um porco nessa história, definitivamente não é ela!