Tweet about this on Twitter Pin on Pinterest Share on Facebook

Menino se aproxima da janela para pedir trocado — olha para dentro do carro e cai em prantos

Muita gente bem de vida vê os menos privilegiados com desconfiança. É possível que eles achem, por exemplo, que todos os pedintes são delinquentes ou ladrões preparados para atacar o tempo todo.

Mas na verdade, as pessoas que vivem na pobreza são muitas vezes mais generosas e empáticas que outros com vidas mais confortáveis.

Um exemplo disto é este menino chamado John Thuo. Ele vive em Nairóbi, no Quênia — como muitas outras crianças pobres, costumava pedir trocados aos motoristas dos carros nos sinais de trânsito.

 

Facebook/FIRST Magazine

John Thou costumava passar os dias nas ruas de Nairóbi, no Quênia, pedindo dinheiro. Isso costuma irritar alguns motoristas, que acham que os pedintes são, em sua maioria, ladrões à espreita.

Entretanto, John Thuo provou que não somente não é ladrão, como também um coração de ouro.

Um dia, o menino estava na rua e se aproximou de um carro para pedir trocados. Mas, quando olhou para dentro do automóvel, John ficou chocado com o que viu.

Facebook/FIRST Magazine

A motorista do carro estava ligada a tubos e respirava oxigênio de uma garrafa. O nome dela é Gladys Kamande. Ela explicou ao John que, quando tinha apenas 32 anos, seus pulmões começaram a falhar — hoje ela não consegue respirar sem a ajuda dos tanques de oxigênio que leva sempre consigo.

Facebook/Njogu Njoroge

John ficou chocado ao perceber que, a despeito de sua pobreza, havia pessoas em situação muito pior do que ele — porque não tinham sequer a saúde que ele tinha.

Aos prantos, John ofereceu a Gladys todo o dinheiro que tinha conseguido juntar naquele dia e segurou a mão dela através da janela.

Um passante reparou no que estava acontecendo, tirou algumas fotos e relatou a história na internet. Em poucos dias, a publicação já tinha viralizado e dado início a uma série de eventos que mudariam a vida de John e Gladys para sempre.

Depois que a história de Gladys se espalhou, milhares de doações começaram a chegar. No total, desconhecidos de bom coração doaram 80 mil dólares para pagar uma viagem à India, onde Gladys poderia receber um novo tratamento.

Facebook/FIRST Magazine

E John, como vai? Bem, depois de toda a atenção que ele recebeu nas mídias sociais, ele finalmente saiu das ruas e foi adotado por uma familia muito amorosa e generosa.

A mulher que o adotou, Nissy Wambugu, também deu a ele a oportunidade de começar a estudar!

No final, o gesto generoso de John ajudou não só a Gladys — mas também deu a ele uma nova mãe e uma casa.

Twitter

Por favor, compartilhe esta história emocionante com seus amigos e sua familia. Diga a eles que, às vezes, tudo o que é preciso para acontecer um milagre é um ato de gentileza. 

Publicado por Newsner. Por favor, curta.