Tweet about this on Twitter Pin on Pinterest Share on Facebook

Pai liga para a emergência depois que filho para de respirar de repente

Ter filhos é um direito de todos, mas há certas pessoas que nunca deveriam ser pais.

Na semana passada, um serviço de emergências em Utah, nos Estados Unidos, recebeu uma ligação de Clint Nokes, de 19 anos. Ele dizia que seu filho, Hudson, tinha parado de respirar de repente e eles precisavam de ajuda urgente.

Os paramédicos não conseguiram fazer com que o bebê de quase dois meses voltasse a respirar e imediatamente o levaram para o hospital.

 

Facebook/Krista Larsen

O pai do menino disse ao policial que estava tentando fazer o bebê arrotar depois de dar de mamar a ele, mas não teria conseguido. O bebê teria parado de respirar.

A seguir, ele contou que ligou para a namorada e mãe do bebê, Krista Larsen, para dizer que algo tinha corrido muito mal.

Mas quando a polícia mais tarde falou com membros da equipe do hospital que estava de plantão na hora em que o menino foi admitido, a história de Clinton começou a desmoronar. A verdade logo seria revelada pela autópsia realizada no bebê.

A cabeça e o peito de Hudson estavam cheios de hematomas, e ele tinha sangramento interno no cérebro.

Os médicos tentaram arduamente salvar a vida do menino, mas não conseguiram.

Hudson morreu no Primary Child Hospital na manhã do dia 2 de dezembro, segundo o canal de notícias Fox 13.

Facebook/Krista Larsen

Autópsia revela a extensão dos ferimentos do bebê

Hudson tinha uma fratura no crânio, hemorragia nos olhos, sangue na medula e diversos ossos quebrados pelo resto do corpo.

Quando as provas foram apresentadas a Clint, ele reconheceu o que tinha feito.

Geograph (o túmulo nesta imagem não tem relação com o evento)

Ele perdeu a cabeça porque Hudson não parava de chorar. Jogou o bebê no sofá, arrastou-o por uma das pernas e sacudiu-o no ar, de cabeça para baixo — atos de extrema violência contra uma criança tão pequena.

Na mesma semana, Clint também deixou o menino cair de cabeça na pia.

Clint foi preso e está aguardando julgamento.

Davis County Jail

Eu simplesmente não consigo entender como alguém é capaz de fazer isso com uma criança inocente. Se você suspeitar que uma criança está sendo vítima de maus tratos, entre em contato com a polícia imediatamente. 

Compartilhe esta história se você também acha que este pai merece uma punição severa por seus atos terríveis! 

 

Leia mais sobre...