Tweet about this on Twitter Pin on Pinterest Share on Facebook

Aos 98 anos, Ada se mudou para uma casa de repouso — para ficar mais perto do filho Tom, de 80

Não importa a idade, nunca se é velho demais para precisar da mãe. Ada, de 98 anos, e seu filho Tom, de 80, são a prova viva disto.

No ano passado, Ada mudou-se para a casa de repouso Moss View, em Liverpool, na Inglaterra. Não porque precisasse de cuidados, mas porque queria dar apoio ao filho.

“Você nunca deixa de ser mãe”, explicou ela, deixando o mundo todo emocionado.

Ada Keaton teve o primeiro filho, Tom, quando tinha apenas 18 anos. Desde então, os dois têm uma relação muito forte. Quando Tom teve de ir viver na casa de repouso Moss View, em Liverpool, há cerca de um ano, Ada decidiu mudar-se também, para apoia-lo.

“Eu vou diariamente ao quarto de Tom dar boa noite e volto no dia seguinte para dar bom dia”, contou Ada ao jornal Liverpool Echo.

“Eles assistem juntos à novela”

A equipe da casa de repouso ficou fascinada com a ligação de mãe e filho: contam que eles jogam e assistem juntos a novelas na televisão.

“É muito raro ver mães e filhos juntos na mesma casa de repouso. Nós queremos que o tempo que eles passem juntos sejam o mais especial possível”, explica Phillip Daniels, diretor da clínica.

The power of a mother's love. Such a heartwarming story. 😍

Posted by Liverpool Echo News on Sunday, 29 October 2017

Quando perguntam a Tom como é ter a mãe na casa de repouso com ele, ele garante: “Ela cuida muito bem de mim. Às vezes, ela até diz que eu tenho de me comportar!”, disse ao Liverpool Echo.

É verdade o que dizem, nunca se deixa de ser mãe. Compartilhe esta história se você concorda — e para espalhar uma bela inspiração.

Publicado por Newsner. Por favor, curta.

 

Leia mais sobre...